Compositora popular, cantora e atriz, estudou piano na infância e violão popular na adolescência. Estudou a arte da atuação no Teatro Escola Macunaíma. Paulistana de origem, por muitos anos viveu em Milão, Itália, onde escreveu um capítulo importante de sua trajetória artística.

Participou de várias montagens teatrais sob direção de Mario Montagna, Loredana Butti e Roberto Fera, estudou canto com Patrizia Conte, foi vocalista da banda “Bossa & Jazz”, intérprete e divulgadora da Música Popular Brasileira na Itália. E foi lá, em Milão, que gravou seu primeiro álbum autoral, “Priscila Popular Brasileira”.

De volta ao Brasil, desde 2009 reside em Porto Alegre.

Apresentou o espetáculo “Priscila Popular Brasileira” em vários espaços culturais sob a direção musical de Rafael Ferrari.

Em 2010 recebeu o Prêmio de Melhor Letra do Festival de Música de Porto Alegre por sua canção “Barraco”, foi classificada para o Musicanto, renomado Festival de Música do Rio Grande do Sul.

Desde 2012 apresenta o Poético Musical “O Tempo”, realizado em parceria com o multi-instrumentista Robson Serafini.

Artista convidada para participações especiais e apresentações na Feira do Livro de Porto Alegre, no Meme Santo de Casa Estação Cultural, Aldeia, Instituto Cultural, Espaço Vonpar, Zelig, Parangolé e Biblioteca Pública do RS.

O álbum “Alquimias do Amor”, dirigido por Mathias Pinto e lançado em 2016, recebeu 5 indicações ao Prêmio Açorianos de Música 2016: compositora, intérprete, instrumentista, álbum e produção gráfica.